Museu Casa de Tolstói

Leon Tolstói foi um dos maiores romancistas russos e um dos mais importantes escritores da humanidade. Duas de suas obras-primas são destaques em todo o mundo: Guerra e Paz (1869) e Anna Karenina (1877).

A Casa onde o escritor e a sua família moraram em Moscou (Rússia), de 1882 a 1901, foi transformada por Lênin, em 1921, em um museu.

A propriedade, cercada por amplo e belo jardim, revela a alma simples e culta do letrista, em cada detalhe. É possível ver a sua escrivaninha, onde escreveu o seu último romance, Ressurreição. Chama a atenção, também, os quartos de seus filhos e as ferramentas que ele usava para confeccionar seus sapatos, um hobby pouco divulgado.

O Museu abre diariamente, exceto às segundas e aos sábados. Os ingressos podem ser adquiridos no local. A linha do metrô circular, descendo na estação Park Kultúry, serve ao local, bastando seguir as placas indicativas.

 

O Museu Casa de Tolstói

 

Jardim do Museu Casa de Tolstói

 

Leon Tolstói

 

Escrivaninha de Leon Tolstói, na Casa-Museu do romancista, em Moscou, na Rússia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *