Uzupis: o “País” da Diversão e da Arte

A bela capital da Lituânia, Vilnius, é repleta de curiosidades e lugares inusitados. Dentre esses, o Uzupis é o mais surpreendente. Situado um pouco afastado do centro da cidade, em uma curva do rio Vilnia e conectado ao restante de Vilnius por uma ponte, Uzupis é um local onde os artistas se concentram, desde a década de 90 e após a independência da Lituânia. O lugar possui estreitas ruas repletas por galerias de arte, cafés, pátios decorados, residências de intelectuais e artistas.

Contudo, o que o caracteriza como único no mundo, está o curioso fato de que os artistas que ali viviam declararam a independência de Uzupis (em 1997), transformando-o em um país com constituição, bandeira, moeda própria, hino nacional e, até mesmo, um presidente! A população de Uzupis não está preocupada se o restante do país (ou do mundo) não o reconhece como uma nação e, o mais interessante, é que não existe, por parte da Lituânia ou de Vilnius, qualquer manifestação ou repressão em relação ao país auto declarado! Os brasileiros ficam surpresos ao descobrirem que existe um consulado de Uzupis em São Paulo, que o embaixador é psicanalista e músico e se chama Henry Krutzen. As pessoas podem entrar e sair de Uzupis quantas vezes quiserem e é possível, até mesmo, ter o passaporte carimbado em uma das lojas de artesanato local.

Logo à entrada, o visitante se depara com uma placa da República de Uzupis, com 4 símbolos: o do sorriso (“todo mundo deve entrar sorrindo”), da velocidade máxima (de 20 km por hora), o do carro caindo na água (“cuidado com o rio”) e o desenho da Monalisa (“este é um distrito artístico”).

Ao atravessar a ponte que dá acesso ao “país”, fiquei encantada com a limpeza do rio Vilnia e com os diversos moradores e turistas se divertindo às suas margens. Recomendo o restaurante que fica bem ao final da ponte, de onde se tem uma visão privilegiada do rio. Você terá a oportunidade, igualmente, de degustar a culinária local e as bebidas destiladas típicas da Lituânia.

Por todo Uzupis, é possível encontrar obras de arte expostas nas ruas e interagir com os artistas. À sua entrada, uma sereia, à margem do rio, dá as boas vindas aos turistas. Chama a atenção, também, um muro com diversas esculturas pregadas. A escultura símbolo de Uzupis é a estátua do arcanjo Gabriel tocando trombeta, feita em bronze e localizada na praça principal. À rua Paupio, em uma parede, está exposta a constituição local, em diversos idiomas (mas, não em português). A constituição de Uzupis é uma atração à parte e possui 41 artigos muito interessantes como: “Todos têm o direito de não entender nada”, “Todo mundo pode compartilhar o que tem”, etc.

Apesar de bizarro e alternativo, Uzupis é tranquilo, acolhedor, excelente passeio para qualquer hora do dia e para qualquer idade. Partindo da Catedral de Vilnius, está a 15 minutos a pé, bastando seguir a sinalização.

 

Entrada de Uzupis, Vilnius, Lituânia

 

Mapa de Uzupis

 

Praça principal, com o arcanjo Gabriel

 

Constituição de Uzupis

 

Restaurante em Uzupis

 

Balanço na ponte sobre o rio Vilnia

 

Escultura da sereia à margem do rio

 

Muro com diversos objetos expostos

 

Arte nas ruas de Uzupis

 

Exposição de quadros à margem do rio

 

Arte nas ruas de Uzupis

 

Um dos pátios para exposições artísticas

 

Arte na rua

 

Bebidas típicas de Uzupis, Vilnius, Lituânia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *